segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Maria Emilia B. Teixeira


Minha miopia está me deixando ver um monte de gente embaçada.
Defeito de visão, enxergando defeitos da alma.

Maria Emilia B. Teixeira



Cada pessoa tem uma grande obra para fazer em si mesma, toda vez que você para, e fica procurando metades atrasa o seu completar.
Os inteiros apreciam e aprenderam a serem livres, e é essa liberdade do outro que também é inteiro que os atraem em uma união.
Portanto se complete, essa é a sua obra.
Quem segura as mãos de alguém  inteiro não segura as asas, pois o bonito é voar lado a lado em todos os sentidos para ambos respeitarem a individualidade.

Maria Emilia B. Teixeira


É linda a elegância da alma onde poucas pessoas conseguem enxergar e as que conseguem enxergam verdades.

sábado, 23 de setembro de 2017

Maria Emilia B. Teixeira



Suas asas abrem como um guarda-chuva quando o  seu tempo nubla com seus próprios questionamentos e o vôo se faz necessário para a sua sobrevivência emocional.
A vida é saia curta à cada ano que se passa.
Gente não tem raiz quando não está feliz.
Gente tem coração que pulsa e sente muito... Dói a alma.
Gente tem pernas para dar os passos da liberdade das suas escolhas.
Quando a insatisfação incômoda  as asas crescem se preparando para o vôo da coragem.
Gente quando quer, sabe voar como os pássaros em qualquer tempestade.

Maria Emilia B. Teixeira


Sou de me fixar no olhar que é a porta principal de uma pessoa.
Sobre o tapete de boas vindas um sorriso às vezes é enganoso... Olho no olho para ver se a casa da alma vizinha tem luz própria.
Quem não cuida do  seu interior fica às escuras com dificuldade de encontrar  sua luz e fica como um vaga-lume piscando, piscando... Piscando.

Maria Emilia B. Teixeira


A chave do nosso valor está no nosso porta jóias coração, e Deus sabe quem sim e quem não.