sexta-feira, 27 de maio de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


Quebra cabeças

Poxa, eu sou forte, mas às vezes eu canso.
Minha estrutura física e espiritual se fragmentam,
assim como num jogo de quebra cabeças literalmente.

terça-feira, 17 de maio de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


Altos e baixos

A vida tem altos e baixos, mas pense: Que sempre Deus está guiando nossos passos, e que as coisas acontecem para mexer, acordar e fazer uma bagunça geral... E no final agente olha pra trás e percebe que valeu, era preciso.

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


Fantoche

Depois de tanta coisa...
Eu nem sei mais o que fazer e pensar da vida.
Virei fantoche em suas mãos.
Ela faz o que bem entende de mim.
Rendi-me.
Cansei da luta.
Aceito o que vier.
Estou encarando.
Se tiver que beber o amargo da vida.
O jeito é engolir sem reclamar e crer que tem o dedo de Deus em tudo.
Ainda bem que Ele está no comando...

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


Amizade 

É um casamento perfeito de almas.
Almas que se unem por igualdade de essência.
Rompem preconceitos.
Por um simples fato de não existir distinção:
de credo, raça, idade,
aparência...
Porque isso é o que menos importa.
Basta uma troca de olhar para haver a transmissão do que está no interior de cada uma.
A sincronia...
Achou um tesouro quem tem um fiel amigo.

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


Mãe


Um Feliz dia das Mães!
A todas as mães que sabem da dor e da delícia de ter um filho.
Quando o seu M de mulher se transforma em M de mãe.
Maternidade!
Gerei uma menina, ganhei outro M.
Maravilha ser MULHER!

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


Filosofia da hiena

Não vivo a filosofia da hiena.
Não consigo continuar sorrindo
Quando a minha realidade anda uma M...
Chega de falsas aparências e enganação
Estou fora desse teatro
Sentimentos e sofrimento não se escondem eles têm vontade própria.

terça-feira, 3 de maio de 2011

Maria Emilia B. Teixeira


Fantasia de noiva

Nunca pensei que um dia fosse me arrepender de ter usado uma fantasia de noiva em minha vida.
Fantasia sim, porque no início são as expectativas, sonhos e planos.
Vivi o pior dos meus papéis...  O sonho virou pesadelo há muito tempo.
Fui  a protagonista de uma história sem  sentido, onde o coadjuvante, na cena final mostrou sua verdadeira face.
Literalmente dormi com um estranho durante anos... Ainda bem que tudo tem um fim.
Segue a história da vida com suas novas perspectivas.

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Maria Emilia B. Teixeira
















Metamorfose

Aconteceu a metamorfose.
Amélia deu lugar a outra mulher.
A lagarta sucumbiu...coitadinha dela.
Estava cega e morta.
Como se deixou alienar-se em ser uma lagarta quando poderia ser uma linda borboleta?
Rastejar ao invés de voar... Liberdade.
Sacudiu suas asas de multicor e despertou... Agora tem uma visão perfeita do que quer para si.